Caixa de Pássaros - Resenha

NÃO ABRA OS OLHOS...


               Não sabemos o que exatamente está acontecendo, não sabemos ao certo o quê, ou quem, ou por qual motivo a população após ver "alguma coisa" acaba se matando da forma mais violenta possível. Não sabemos o quê, ou quem está lá fora fazendo com que as pessoas tirem suas próprias vidas e acabando com o país. A única coisa que temos certeza é que não devemos "abrir os olhos", não devemos "olhar" pra fora.

            Depois dos primeiros acontecimentos horríveis devido a "O problema" - é assim como chamam agora - Malorie sai de sua casa à procura de abrigo, de socorro. Ela encontra uma casa próximo ao rio de Michigan onde Tom e os outros integrantes da casa estão. Eles a abrigam e o livro se desenvolve. Malorie e os outros só podem sair da casa VENDADOS é, ao longo do tempo aprendem a desempenhar suas tarefas às cegas, pois abrir os olhos em um lugar aberto, no "novo mundo", não é mais uma opção sensata. A menos que eles queiram ter uma morte louca, violenta e excruciante.


"Saímos de lá porque algumas pessoas decidem esperar as notícias chegarem e outras correm atrás delas"




              Após quatro anos, ainda na casa, Malorie decide sair. Sair da casa por seus filhos, sair para encontrar ajuda, sair para encontrar algo melhor e tentar ter uma chance. Ela decide descer o rio, sabe que no final do rio encontrará uma resposta. E assim, cheia de medo, Malorie começa uma jornada perigosíssima! Não imagina o que encontrará pelo caminho e não sabe dos perigos que encontrará especificamente no rio. Não sabe o quão louco está o "novo mundo" agora. Contudo, ela está decidida. "Confia na sua inteligência e principalmente nos ouvidos das crianças. Ela os treinou bem".


"As crianças nunca viram o mundo exterior da casa. Nem pelas janelas. E Malorie não o vê há mais de quatro anos..."


               O livro é narrado em terceira pessoa e se divide entre o presente de Malorie com seu passado. Um mesclado arrepiante, narrando situações aterrorizantes e decisões de nos tirar o fôlego. Medo, angústia, raiva, esperança e o terror psicológico são alguns dos sentimentos que você encontrará lendo "Caixa de Pássaros".

               
              "Caixa de Pássaros" foi meu primeiro livro de suspense/terror/medo e a escolha não poderia ter sido melhor. Esse livro extrai de você emoções aterrorizantes; medo, suspense, angústia e uma vontade tremenda de investigar. De um certo momento do livro a diante, você começa a fazer uma análise minuciosa de cada personagem, começa a fazer a suas escolhas e a se apegar a eles. Os personagens que me apeguei foram Malorie, Tom, Victor, Jules e Don. Eu adorei sentir, adorei a minha reação a ler um livro deste gênero. Confesso que ganhou meu coraçãozinho e vou procurar outras obras deste novo gênero (novo pelo menos pra mim rs). Malerman começou muito bem! E eu estou ansiosa para ler seus próximos trabalhos.

                                            Assista o Booktrailer do livro!





Um pouquinho sobre o autor...

               Josh Malerman é um autor americano, cantor e compositor da banda The High Strung. Malerman adora histórias de terror desde pequeno, começou a escrever na quinta série e hoje desfruta do retorno de seu primeiro romance de estreia Caixa de Pássaros (Bird Box). Seguindo o gênero que o inspira, Malerman pretende continuar escrevendo e fala sobre isso cheio de empolgação. Sim... O autor promete novidades para este ano! Ele também conta com dois contos (Ghastle and Yule e Fiddlehead Party on Carpenter's Farm) publicados em 2014. Atualmente vive em Michigan, EUA.


Título original: Bird Box
Tradução: Carolina Selvatici
Ano: 2014 (minha edição: 2015)
Páginas: 272
Editora: Intrínseca

Gênero: Thriller psicológico/Terror






Skoob: Kálita Reis

6 comentários:

  1. Apesar de não fazer o meu gênero, sou muito medrosa, adorei a sua resenha :D

    www.eucurtoliteratura.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu adorei o gênero, Tainan!! Espero ler mais sobre ^^
      Muito obrigada!! :)

      Excluir
  2. Começando ele agora. Amei a resenha *-*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada, Lu!!! Boa viagem.. e não se esqueça! "Não abra os olhos..." :o

      haha beijos!

      Excluir
  3. Gente, preciso ler esse livrooo! haahahha Olha o primeiro livro de terror que eu li foi The Walking Dead O Caminho para Woodburry e eu adorei. Adorei a sua resenha. Espero que seja a primeira de muitas aqui! Beijos e obrigada novamente!

    ResponderExcluir

Pesquise aqui no blog